Eu Indico com Ariane Petri

Boa tarde, queridos!

Hoje a nossa convidada é a Ariane Petri, o vídeo vai a seguir, mas se preferir ler, deixamos o texto disponível logo abaixo.



Olá queridos amigos do CoronaBassoons!


Sempre que abrimos uma partitura escrita há muito tempo, recomendo entrar numa espécie de tunel do tempo. Considerar e conhecer as condições do surgimento daquela partitura e em cima disso, tomar as decisões de como ler e interpretar esse texto. Afinal, os compositores dos séculos XVIII, XVII e inclusive XIX, partilham uma prache musical muito diferente. Alguns dos aspectos estílisticos da obra eram tão óbvios para eles que sequer eram anotados na partitura. Para conseguir contextualizar uma obra e chegar através disso a uma perfomance históricamente informada, é preciso boas leituras.


Estes dois livros já foram comentados aqui nas lives mas quero trazer de novo que são de Nikolaus Harnoncourt, O Discurso dos Sons e Diálogo Musical. As edições em português infelizmente estão esgotadas mas não deixem de procurar que alguma hora elas voltam a ser publicadas.


Também temos a opção de partir diretamente para as fontes históricas. De Johann Joachin Quantz, Ensaio de um Método para tocar Flauta Transversal de 1752, mas de 200 anos atrás. E também, do pai de Mozart, Leopold Mozart, Tratado sobre os Princípios Fundamentais para tocar Violino. Além de muito interessantes como documento histórico, podemos focar nossa leitura em como ornamentar, o que é a boa expressão, como usar o vibrato ou ainda como ornamentar um movimento lento.


Estes livros não estão disponíveis em português, mas, e aqui vai a minha dica principal: existem dois trabalhos academicos, dissertações de mestrado, que tem como tema, justamente, estes dois tratados e incluem uma versão, uma tradução, para português. Uma grande vantagem do trabalho academico é que é facilmente acessível e é de graça então vou colocar aqui na descrição os links e recomendo que dêem uma boa olhada.


Boa leitura!


Lílian Maria Pereira da Silva: – Extratos do Tratado sobre os Princípios Fundamentais para tocar violino de Leopold Mozart https://repositorio.ufpb.br/jspui/handle/tede/6623


Renan Felipe Santos Rezende: A boa expressão ao cantar ou tocar: Tradução comentada do Versuch einer Anweisung die Flöte Traversière zu spielen de Quantz https://repositorio.ufpb.br/jspui/bitstream/tede/8673/2/arquivototal.pdf




67 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo